sábado, 14 de junho de 2008

Prima gorda

A prima gorda já era gorda quando era pequena.

A prima gorda cresceu e ficou mais gorda ainda dada às suas proporções.

A prima gorda achava que era magra.

A prima gorda pulava de cima do guarda roupa no seu tailer azul petróleo congelado.

A prima gorda teve muitos namorados.

A prima gorda casou muito jovem e descasou muito jovem.

A prima gorda teve um casamento de princesa com direito a orquestra e tudo e tal.

A prima gorda descasada corria atrás dos ex-namorados.

A prima gorda virou empresária pobre, mas virou.

A prima gorda era sustentada pelo pai milionário e fazia da carteira dele a extensão da sua.

A prima gorda tornou-se uma mulher infeliz, ignorante e insuportável.

A prima gorda maltratava, humilhava e descartava quem bem entendia.

A prima gorda era racista e preconceituosa.

A prima gorda brincava de humilhar e pisar as pessoas.

A prima gorda fez muita gente chorar.

A prima gorda se apaixonou.

A prima gorda não conseguiu manter essa, e muitas outras paixões.

A prima gorda chorava.

A prima gorda era a "sabona".

A prima gorda era sacaneada e detestada por todos que a conheciam e achava que era adorada.

A prima gorda e sua prepotência e arrogância

A prima gorda ia à igreja toda semana.

A prima gorda rezava.

A prima gorda rezou.

A prima gorda engravidou.

E agora prima gorda ?
Será que a prima gorda mudou ?

2 comentários:

drips e fefê disse...

Quem é da família pode permanecer calado ?? kkkkkk

drips e fefê disse...

Pode ! kkkkkkkkkkkk se quiser, fale à vontade que como diz a Funéra: "caguei na parede" !!!! kkkkkk

Pesquisar este blog