sexta-feira, 6 de fevereiro de 2009

Buraco


Essa história de rodoviária toda semana chamou minha atenção, mais especialmente da minha bunda, para um problema urbano (mais um) que eu não vejo, não escuto e nem leio a respeito em canto algum: os buracos.
Sim caro primo, único leitor e outro escritor desse blog. Os buracos são numerosos. Quilômetros de ruas esburacadas no trajeto Rodoviária/Laranjeiras. Entendo que existam outros problemas urgentes e necessários a população do Rio de Janeiro mas ali é o cartão postal de quem chega. Que vergonha que eu sinto ao chegar a Rodoviária e ao sair dela. Quem devia não anda de ônibus.
E aí, lá vou eu e a coitadinha da minha bunda quicando pelas ruas sujas, escuras, fedorentas e esburacadas. O meu espanto com os buracos se dá logo depois de tantos quiques adentrar a rua principal do centro do rio de janeiro, onde fervilha o mercado financeiro carioca, a Av. Rio Branco e os quiques aumentarem. Será que bunda de empresário, juiz, deputado, advogados são insensíveis ?
Será que carro caro pula buraco ? Será que esses caras não sentem nada porque não sentem nada ?
Vou escrever uma declaração e um pedido de desculpas pela tortura a minha bunda. Acho que os peitos vão ficar com ciúme. Eles também sofrem mas não tenho outra alternativa.

Nenhum comentário:

Pesquisar este blog